sexta-feira, 26 de maio de 2017

Liberdade é assumir a Verdade de sua Real Natureza






Nesses encontros, nós temos a oportunidade de nos sentarmos juntos, de nos aquietarmos e entrarmos nesse momento de investigação, nesse momento de silêncio.

É fundamental compreender que a vida é um jogo. Na verdade, uma brincadeira divina. Só resta a você desidentificar-se internamente, psicologicamente, e tudo ficará bem. Estou dizendo que você precisa deixar a vida seguir e apenas permitir que tudo seja visto dessa forma. 

Não há nada o que fazer! Tudo já está acontecendo! Tudo já está acontecendo segundo essa Vontade Divina! Aquilo que prevalece na sua vida é essa Vontade Divina, que é aquilo que acontece.

Permita cada coisa acontecer, cada coisa aparecer… Aparecer como é! É importante que você lembre que os pensamentos também fazem parte disso; os sentimentos também. Você também é parte disso que está aparecendo. Não tem nada fugindo dessa Vontade Divina! Isso pode soar muito estranho, mas é assim. Essas respostas de ações, pensamentos, sentimentos, tudo isso é parte dessa aparição, disso que está aparecendo. Quando você não se confunde mais como "alguém presente" nessas aparições, você está livre! Você é essa Liberdade! Os problemas aparecem apenas quando você se confunde com a crença de ser “alguém”, que tem que assumir responsabilidades, nessa ideia de ser o autor, o realizador, o fazedor, aquele que escolhe, aquele que decide, aquele que manda.

Não existe nenhum indivíduo cuidando dos seus próprios assuntos. O que prevalece é essa Inteligência, essa absoluta Presença, Aquilo que não pode ser explicado. O que prevalece é esse Silêncio. Todos estão preocupados em se livrar da mente – isso é a mente procurando se livrar da mente. Todos estão tentando, de uma forma muito dura, muito complicada, se livrar da mente. A forma mais rápida é simplesmente perguntar: “Para quem esses pensamentos estão acontecendo?" ou “De onde esses pensamentos vêm?”. Então, nós chegamos a um ponto onde não há alguém… Porque não há alguém! Os pensamentos, os sentimentos, as sensações e as emoções são aparições sem um autor. Isso é Liberdade! Liberdade é assumir a Verdade de sua Real Natureza, de sua Real Identidade, que não é pessoal. Não há “pessoa”, não existe o “eu”! 

Isso é muito básico… Muito estranho, mas básico. É estranho e básico, mas fundamental! Essa percepção direta Disso, sentir Isso de uma forma direta, é lindo demais! Quando você usa palavras, você destrói Isso, porque Isso está além das palavras, além dos pensamentos. Palavras como “despertar”, “iluminação”, “realização”, também são apenas palavras. 


*Transcrito a partir de uma fala em um encontro online na noite de 14 de Novembro de 2016 - Encontros online todas as segundas, quartas e sextas-feiras as 22h. Para participar baixe o Paltalk App, para maiores informações clique aqui

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário

Compartilhe com outros corações