segunda-feira, 13 de junho de 2016

Meditação é essa Realidade

 
Sejam bem-vindos a mais esse encontro aqui pelo Paltalk, nesta noite de sexta feira, onde estamos mais uma vez juntos. Esse momento é mais um momento de aproximação com esse Silêncio.

Para o intelecto, a fala é muito importante, mas quando tratamos da Verdade, não estamos falando de algo que possa ser dito, que possa ser descrito. A Realidade é algo além da fala. Esse momento é sempre um momento de silêncio, de imersão, de mergulho nessa Realidade, que está além da fala, além das palavras, além de todos esses códigos que são as imagens criadas pelo pensamento. Essas falas, essas palavras, assim como essas imagens, aparecem todas em um só ponto, em um só espaço. Esse ponto, esse espaço é essa Consciência, e é Nela que estamos interessados nesse encontro. Todo nosso interesse é pela Realidade, por esse espaço que é Silêncio, que é Consciência, é Meditação.

Satsang é o encontro com a Meditação. Meditação é essa Realidade.

Essas falas não têm o propósito de produzir uma motivação em você, uma motivação para conquistar algo que está fora de você. Não tem o propósito também de estimular você, de fazer com que você se torne uma pessoa diferente desta que hoje você acredita ser. Satsang não melhora a pessoa, mas sim, revela a ilusão que é a pessoa que você acredita ser, a ilusão desse sentido de alguém que precisa realizar algo. Então, esse encontro não tem qualquer valor motivacional. Essa Realização não faz de você uma pessoa melhor.

Na verdade, essa Realização é algo muito assustador para a pessoa – e isso é uma das coisas que ficam claras logo de cara. Quando você chega nesse trabalho, o chão é tirado debaixo dos seus pés e isso é muito assustador. Essa Realidade, essa Verdade de sua Natureza Real está presente quando o ego não está, quando toda a segurança dessa “sua história pessoal” não está. Sua Natureza Real é Sabedoria, é Paz, é Felicidade, é Amor. Mas isso não é pessoal, isso não é algo para a pessoa.

Esse é o nosso convite em Satsang. Você entrou nessa sala, nessa noite, está conosco nesse encontro e está ouvindo o nosso convite. Este não é um convite para acertar, para ajustar, para consertar a sua vida. É um convite para essa Realização de sua Vida Real. Em sua Vida Real, não há nada que possa ser consertado, acertado ou ajustado. Em sua Vida Real, você é Deus, está além das limitações que o pensamento tem produzido através de imagens, criando essa ilusão - que é a ilusão de uma entidade presente, tentando consertar o mundo.

Eles chamam essa visão clara – livre desse sentido de separatividade, livre de todos esses conflitos que a mente egoica produz – de Despertar ou Iluminar. Mas isso, simplesmente, é o fim dessa crença tão comum em todos vocês: a crença do sentido de separação entre você, Deus e o mundo, a crença de que existe você e o mundo e, acima do mundo, Deus.

Acompanham isso? OK!

Essa é uma bela noite... Esse é um belo encontro... Tudo porque esse momento é o momento da Graça, é o momento da Verdade. Nosso único propósito aqui, nessa noite, é tomarmos ciência disso, é nos tornarmos conscientes disso. Então, ficamos diante desse profundo relaxamento, que é a bem-aventurança do nosso Estado Natural, onde não há medo, não há passado, não há futuro, não há imagens, não há pensamento circulando, se tornando importante.

O propósito desse encontro é realizado quando esse sentido do “eu” não está presente, quando esse Espaço – e chamamos de Espaço porque não tem outro nome para isso – quando esse Espaço sem limites se revela, quando essa Realidade se revela, quando essa Verdade se revela.

OK pessoal? Vamos ficar por aqui. Valeu pelo encontro. Namastê!

*Transcrito a partir de uma fala de um encontro online em 20 de Maio de 2016 
Encontros online todas às segundas, quartas e sextas às 22h - Baixe o Paltalk e Participe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário

Compartilhe com outros corações