quinta-feira, 21 de maio de 2015

O que é a Real Satisfação?

 


O ilusório valor dessa ilusória necessidade, dessa ilusória busca, desse ilusório desejo, dessa ilusória insatisfação, pertence a essa ilusória mente. “Estar livre” é Ser, não é procurar, buscar. Ser, aqui, é estar com o que é, como este som que você escuta.

A natureza da mente é ver este instante como insatisfatório, faltando algo, incompleto. Para a mente, há uma necessidade: a necessidade de continuar; e nada melhor para isso que se criar um valor. Essa é a natureza da insatisfação da mente, e valores “fora” são suas criações, suas motivações.

Sem mente, tudo está completo. Não há nenhuma carência, necessidade, desejo, antecipação... Isso é Você em seu Ser, relaxado em sua Natureza Essencial, que é pura beleza, pura Graça, pura satisfação; sem "alguém". Isso é Meditação, seu Estado Natural. Quando há a constatação de que aquilo que é visto e aquilo que vê são um só, há a constatação de que o experimentador e a experiência são uma só, e única, coisa; que não há nenhuma separação, porque não há nenhum "eu" e um mundo fora; nenhum "eu" à procura de um preenchimento, de uma satisfação, de uma realização, de uma completude que possa vir, chegar. Então, toda ideia de valor e importância separada desse instante termina. É quando, nesse testemunhar, a testemunha e o testemunhável são uma única realidade presente.

Seu sonhos, desejos e motivos não têm importância, porque você não tem importância. A vida é o que é! Você é a Vida, e só isso importa. Nada pode ser feito e nada pode ser desfeito; nada pode ser acrescentado ou tirado. Eu chamo isso de satisfação, sem alguém satisfeito; de realização, sem alguém realizado; de completude, sem alguém completo; de despertar, sem alguém desperto. Isso não tem oposto, não tem contrário. Isso é assim, quando a ilusão do "eu" cai. E isso é agora! O tempo é irrelevante nesse constatar. Ele está agora e aqui. É assim. É isso.

 *trecho transcrito a partir de uma fala em um encontro presencial em Maio de 2013 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário

Compartilhe com outros corações